domingo, 21 de setembro de 2014

Manuscrito


Você está tão perto
que me sinto cada vez mais só
ver os teus olhos tristes
vejo a tristeza do meu olhar
nunca chorei perante a ti
mas o fiz as escondidas
porque amar já dói
amar em silêncio, dói ainda mais.
Ainda mais em saber
que posso te tornar alegre
mas que me falta oportunidade
falta coragem, perder a vaidade.
O teu sorriso me faz tão bem
que esqueço a tristeza
te ter em meus braços
te ter com certeza.
Você é minha preciosidade
és o meu sonho, és meu encanto
você é minha alegria
de te fazer feliz... algum dia.

**POESIA CRIADA EM 1995

Nenhum comentário:

Postar um comentário