domingo, 1 de junho de 2014

Ao menos tentar

Este teu olhar
triste
é o que me da forças
para te fazer
feliz
pois quero
que conheça
a lágrima
da alegria
de amar.

**POESIA CRIADA EM 1995


Nenhum comentário:

Postar um comentário