domingo, 25 de novembro de 2012

Migalhas




Em um mundo tão pequeno
de frente para o espelho
vejo uma criança carente
não sei como ela se sente
mas talvez seja mais alegre do que eu
que a vejo ali, tão pequena e só.

**POESIA CRIADA EM 1994

Nenhum comentário:

Postar um comentário