domingo, 18 de novembro de 2012

Instantes





Seus cabelos ao vento

teu rosto tão belo

tão radiante

o teu corpo tão lindo

tão excitante

e o teu retrato

em cima da minha estante

te olhei por um breve instante.

** POESIA CRIADA EM 1995

Nenhum comentário:

Postar um comentário