domingo, 22 de julho de 2012

Sou



Entrei no seu sonho certa noite
e certa noite eu sonhei
que podia entrar no seu sonho
e sem querer eu entrei.

Seu corpo tão belo e perfumado
que um dia eu beijei
beijei tanto o seu corpo
que me viciei.

**POESIA CRIADA EM 1994

Nenhum comentário:

Postar um comentário