domingo, 10 de junho de 2012

Queda sem ascenção



Derrotei o maior dos lutadores
conquistei as mais lindas terras
tive os mais belos carros
sempre fui um vencedor
na profissão fui um ganhador
nenhum homem nunca me derrotou.

Porem, hoje sou um perdedor
o destino derrota quem ele quer
fui encontrar meu vencedor
nos braços de uma mulher.

**POESIA CRIADA EM 1994

Nenhum comentário:

Postar um comentário