domingo, 29 de agosto de 2010

Não chore


Um dia, se por acaso
você lembrar-se de mim
lembrar de tudo o que houve entre nós
e lembrar que me fez sofrer
não chore.
Porque a males que vem para o bem
sofrendo eu descobri
o que é um verdadeiro amor
descobri que tudo na vida, às vezes é impossível
e que o impossível está ao nosso alcance.
Não chore, porque isso eu já fiz
e não me arrependo
porque a certas coisas na vida
que você explica com uma simples lágrima.
E um dia se por acaso
você se apaixonar
e lembrar-se de mim
e ficar com medo de que te aconteça
o que aconteceu comigo
um conselho de amigo:
“levante a cabeça
feche os olhos
e mostre todo seu amor
e pare de lutar
somente quando o seu coração mandar
não chore
sem antes ter certeza
“que a luta acabou.”

O passado voltou!

**POESIA CRIADA EM 1988

Nenhum comentário:

Postar um comentário